terça-feira, 2 de junho de 2009

Destroços do A330 são encontrados

As aeronaves de Força Aérea Brasileira conseguiram encontrar os primeiros destroços do A330-200 da Air France, desaparecido desde a madrugada de Segunda, próximo ao Arquipélago de São Pedro e São Paulo, na região das cadeias montanhosas submarinas que separam a América do Sul da África, a dorsal meso-atlântica. No início da madrugada de hoje um avião radar R-99 identificou sinais de objetos no oceano e, pela manhã, um C-130 Hércules conseguiu contato visual com pedaços metálicos, uma boia, uma poltrona e manchas de óleo. Durante a tarde, no entanto, três navios mercantes e outras aeronaves de busca passaram pelo local e não visualizaram novamente os destroços, que podem ter mudado de lugar por causa de ventos e correntes marítimas. A partir de hoje a FAB contará com o apoio de um avião francês e um norte-americano nas buscas. Os aviões da FAB que participam da missão são dos modelos P-95 Bandeirulha, C-130 Hércules, R-99B e C-105 Amazonas.

O R-99B, modelo que rastreou os destroços.