quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Movimento em Viracopos cresce mais de 175% (texto: Infraero)

03/01 - Movimentação por Viracopos cresce mais de 175% em 2009


03/01/2010

      O Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), encerrou o ano de 2009 com o supreendente balanço de mais de 175% de aumento na movimentação de passageiros domésticos embarcados e desembarcados. Dados preliminares da Infraero, indicam que o total de embarques e desembarques por meio do aeroporto campineiro no último ano deve se aproximar dos 3 milhões, o que representa movimentação triplicada em relação ao ano de 2008, quando o número registrado foi de pouco mais de 1 milhão de passageiros movimentados.
      Os dados relfletem a forte elevação na quantidade de usuários do aeroporto. A média diária de passageiros saltou de 3 para 8 mil movimentos. A entrada de uma nova companhia aérea no mercado e a reação das demais companhias frente à concorrência, figuram como principais fatores do crescimento. A disponibilização de ônibus saindo de cidades como São Paulo, Sorocaba e Piracicaba direto para o aeroporto também refletiram no aumento. O transporte é oferecido por uma das empresas aéreas que operam em Viracopos.
      As receitas aeronáuticas - taxas com operações de  pousos e decolagens, embarques e desembarques e permanência de aviões nos pátios, aumentaram cerca de 47%, entre janeiro e novembro de 2009 comparado ao mesmo período em 2008.  " A participação das receitas aeronáuticas era pequena no total do aeroporto. O perfil estava consolidado em cargas. Com o crescimento no fluxo de passageiros, houve um incremento nas receitas, que ainda são menores do que os recursos obtidos com  carga aérea. O setor de transporte de carga foi muito atingido pela crise econômica e apresentou recuo em 2009", explica a superintendente da Infraero em Campinas, Lilian Ratto Neves. Segundo a executiva, o desempenho de 2009 reforça o potencial do terminal campineiro para atender a demanda de passageiros no Estado de São Paulo. A participação das receitas aeronáuticas no total de recursos do aeroporto subiu de cerca de 11% em 2008 para aproximadamente 19% em 2009.
      A Infraero trabalha em melhorias na infraestrutura do aeroporto frente à nova demanda, entre elas a ampliação do estacionamento de veículos e nova demarcações para os pátios de aeronaves. Há médio prazo, há projetos previstos como a ampliação das áreas atuais de embarque e desembarque e a reforma da pista de pousos e decolagens.


   Assessoria de Imprensa Infraero
  
imprensa@infraero.gov.br